Notícias
  • Publicado em:15/03/2018

Cirurgias associadas é um tema complexo e que requer atenção para suas vantagens e, principalmente, pelos riscos envolvidos.

Não há uma regra geral de cirurgias que podem ou não serem feitas de uma só vez. É preciso conversar com o cirurgião plástico para juntos analisarem a possibilidade de unir procedimentos de forma que a sua saúde seja assegurada. O bom estado de saúde é uma condição fundamental no planejamento de cirurgias plásticas associadas.

Pessoas com doenças ou situações crônicas como diabetes, pressão alta e problemas de tireoide devem ter uma atenção especial. Por meio de exames, é possível avaliar quais os riscos e os procedimentos mais seguros para cada paciente.

 

Fonte: Portal AZ